Central de Atendimento 24h: (11) 4063-9653.

Central de Atendimento

ARTIGO: Como deve ser a estrutura?

2 de julho de 2015

A dificuldade em estruturar um artigo é um dos obstáculos mais comuns para a maioria dos estudantes, e até para pesquisadores experientes. A seguir, confira um guia prático para a organização do artigo, baseado em referências listadas no final deste post — Mas, lembre-se: existem variações de área para área.


Artigo — Como deve ser a estrutura?

Artigo — Estrutura

Resumo

■ O resumo deve apresentar de forma fiel o conteúdo do trabalho.
■ Apresente o objetivo do trabalho de forma clara e sucinta.
■ Inclua as informações de maior relevância sobre o escopo, métodos, descobertas, resultados, conclusões e recomendações.
■ Não inclua citações ou referências a figuras e tabelas.
■ Defina símbolos que não são comuns e abreviações.
■ Não inclua tabelas ou ilustrações.
■ O resumo deve ser escrito de forma a poder ser lido independentemente.

Introdução

■ Introduza o assunto e a informação necessária para o leitor entender o resto do artigo.
■ Defina o objetivo e o escopo do trabalho — O que distingue o seu artigo dos outros?
■ Não apresente descobertas ou conclusões.
■ Explique a organização do artigo quando for muito longo ou complexo.
■ Escrever o objetivo do estudo primeiro ajuda a focar o artigo.
■ Exceto pelo objetivo, o resumo e a introdução devem ser escritos depois do resto do artigo.

Materiais e Métodos

■ Descreva os métodos, hipóteses e procedimentos usados.
■ Discuta como os dados foram analisados e como as incertezas foram consideradas.
■ Mesmo quando os detalhes forem publicados anteriormente, apresente uma breve descrição que permita ao leitor avaliar os resultados sem consultar as referências de forma excessiva.
■ Apresente detalhes suficientes sobre a pesquisa que permitam a replicação dos resultados.
■ Apresente apenas detalhes pertinentes ao estudo.

Resultados e Discussão

■ Apresente as descobertas do estudo.
■ Na discussão, demonstre a exatidão dos resultados e sua significância.
■ Detalhes que não são essenciais para o entendimento dos resultados devem ser incluídos no apêndice.
■ A discussão explica os resultados, mas não os interpreta.

Conclusões

■ Interprete os resultados e discuta suas implicações.
■ Não apresente novos dados e informações.
■ As conclusões do artigo podem incluir deduções que são independentes das condições específicas do estudo em questão, descobertas específicas do estudo, e opinião ou recomendação dos autores (por exemplo, outros estudos que podem ser realizados ou possíveis áreas de investigação).
■ Escreva este elemento do artigo de forma que possa ser lido independentemente.

Agradecimentos

■ Agradeça sua instituição de ensino e/ou agências de fomento que financiaram o estudo.
■ Se necessário, agradeça àqueles que contribuíram para o estudo, mas não ao ponto de merecer inclusão como coautores.

Referências

A estrutura apresentada aqui baseou-se nas fontes descritas a seguir:

■ Scientific and Technical Reports — Preparation, Presentation and Preservation. ANSI/NISO Z39.18-2005, NISO Press, Bethesda, Maryland (2005).
■ American Institute of Physics, AIP Style Manual, Fourth Edition, American Institute of Physics, New York (1990).


Viu como é fácil fazer o seu artigo científico? Se precisar de ajuda, solicite nosso apoio acadêmico.

Artigo — Apoio Acadêmico

* Fonte: Ciência Prática