Central de Atendimento 24h: (11) 4063-9653.

Atendimento via WhatsApp: (11) 9.8246-0190.

Central de Atendimento

Categoria: Monografia Pronta

22 de maio de 2015

Terminou toda a sua monografia e chegou a hora de preparar a cópia que será entregue à faculdade — capa dura e todos os elementos da pesquisa —, mas você não sabe como fazer isso? Calma, nós vamos te ajudar!


A capa e a lombada são os elementos externos mais importantes da monografia — A partir deles que o leitor terá o primeiro contato com o trabalho; e elas também contêm a identificação da sua monografia. Para padronizá-las, a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) desenvolveu regras específicas, que precisam ser cumpridas.

A seguir, confira como preparar a capa e a lombada da sua monografia:

Monografia — Estrutura externa

1. CAPA

A capa é um elemento obrigatório da monografia. E deve conter as seguintes informações (na seguinte ordem):

 Nome

20 de maio de 2015

Durante o período de estudos na faculdade, é preciso não apenas se dedicar, mas fazer isso de forma correta. No entanto, muitos alunos adotam hábitos prejudiciais sem ao menos se dar conta. Assim, acabam tendo um desempenho abaixo do esperado na faculdade e sentem-se frustrados, como se o seu esforço não valesse a pena. Calma, isso é normal! Confira nossas dicas e elimine os 3 piores hábitos dos alunos universitários de sua rotina.


Você se identifica com o problema e está com dificuldades na faculdade? Então, confira abaixo os 3 hábitos que são extremamente prejudiciais, mas que a maioria dos estudantes universitários acaba praticando:

Faculdade — 3 Piores Hábitos

1. Utilizar o mesmo método de estudo para todas as provas da faculdade

Uma das maiores falhas dos estudantes é se apegar a determinado tipo de estudo e acreditar que ele será efetivo em todos os casos. Estudar para provas de disciplinas diferentes requer dinâmicas distintas. Por exemplo, não é possível se preparar da

20 de março de 2015

Você já se formou na faculdade e agora quer se preparar para a pós-graduação? Confira quatro habilidades que você não aprende na faculdade.


 Você acabou de se formar, adquiriu bastante conhecimento para começar a pós-graduação? Se a sua resposta for não, tudo bem — A faculdade nem sempre prepara o aluno para a pós-graduação e/ou mercado de trabalho. Além disso, existem algumas habilidades que você vai adquirir após a faculdade. Confira quais são:

1. Trabalho em grupo

Todo mundo faz vários trabalhos em grupo na faculdade, mas o trabalho em equipe fora do campus não é a mesma coisa. Afinal, você não estará trabalhando com seus amigos, e sim com profissionais que terão as mais diferentes opiniões.

2. Competição

A competi&cce

19 de março de 2015

Na ortografia de quase todos os idiomas existem apenas duas formas de se escrever o "por que", o que ajuda na hora de diferenciar e escrever. Por exemplo, em inglês pergunta-se com why e responde-se com because; em francês pergunta-se com pourquois e responde-se com parce que. Porém, no nosso idioma utiliza-se o "por que" para as duas funções (perguntar e responder). E como diferenciar?

No latim clássico (do qual se originaram outros idiomas), existiam duas palavras: quare para perguntar e quia para responder — Mas, na Língua Portuguesa prevaleceu a expressão pro quid, do latim vulgar; por isso, temos apenas uma expressão para as duas funções.

Entretanto, para diferenciar o "por que" (pergunta) do "porque" (resposta), alguém teve a ideia de escrever um junto e o outro separado. Os registros mais antigos dessa distinção são do século XIII — Mas, em 1500, Pero Vaz de Caminha ainda se atrapalhava com o uso, como é possível observar na "Carta do Descobrimento".

Em 1931, surgiram mais duas regr

18 de março de 2015

Você sabe quantas palavras perderam acento com a nova ortografia? Nós temos essa informação! Confira esse post e descubra várias curiosidades sobre a útlima reforma ortográfica (2009).


Nova Ortografia — Curiosidades

A seguir, veja as principais mudanças na nova ortografia e a quantidade de palavras que foram alteradas (não possuem mais acentos ortográficos):

Nova Ortografia — Curiosidades

A nova ortografia está em vigor desde janeiro de 2009 (mas teve um período de adaptação até o ano de 2012), as mudanças geraram polêmicas e ainda causam dúvidas. Segundo o Ministério das Educação (MEC), a medida deve facilitar o intercâmbio cultural e científico entre países que falam a língua portuguesa.

Período de Adaptação

Os falantes do idioma tiveram até dezembro de 2012 p

17 de março de 2015

A redação é importantíssima para a vida acadêmica: é necessária para vestibulares, para a classificação em concursos e um diferencial para a vida profissional. Você sabe como fazer uma boa redação? Calma, nós iremos ajudar! Confira nossas dicas de como redigir redações nota 10:

Redação — Dicas

1. Simplicidade

Dependendo do tema e da complexidade da redação, preze pelo uso de palavras conhecidas e adequadas. Para ter um bom domínio da redação e da pontuação, prefira frases e parágrafos curtos — Além disso, é um ótimo treino para redações acadêmicas e de concursos que, geralmente, tem uma quantidade preestabelecida de linhas (30 na maioria das vezes).

2. Clareza

Tente não deixar nada subentendido, nem imaginar que o leitor sabe o que você quer dizer. Evidencie todo o conteúdo da redação — Afinal, você está comunicando a sua opini&atild

1 29 de janeiro de 2015

O período de desenvolvimento de TCC pode ser bem estressante: muita leitura, normas, reuniões com orientadores e, por fim, a apresentação para a banca.

TCC: O que vestir?

E a apresentação final é quase uma prévia do que vem pela frente, no mercado de trabalho. Durante esse período, existem milhares de coisas que podem te preocupar, inclusive o que vestir para a apresentação.

Pensando nisso, elaboramos um guia com algumas dicas de roupas para a apresentação de TCC. Assim, você se sentirá muito mais confiante, confortável e, sem dúvida, causará boas impressões.

Normalmente, o combo camisa branca + calça preta é sempre o escolhido, o que pode não transmit

28 de janeiro de 2015

Chegou a hora de desenvolver seu TCC (ou qualquer outro trabalho acadêmico) e você está com dificuldades para formatar seu trabalho? Calma, para isso é importante conhecer as normas da ABNT — confira mais informações, aqui — e saber como fazer a formatação correta de todos os elementos da sua pesquisa. Mesmo assim, você acha difícil fazer a formatação correta das referências bibliográficas? É normal! A seguir, confira algumas dicas para elaborar o seu trabalho sem erro:

Apresentação das referências bibliográficas (NBR 6023, 2002)

• Referência de livros

SOBRENOME, Primeiro nome. Título: subtítulo (se houver). Edição. Local: Editora, Ano. Dados Complementares Opcionais (características físicas, coleção, notas e ISBN).

4 28 de janeiro de 2015

Chegou a hora de desenvolver o seu trabalho de conclusão e você está com dúvidas? Não sabe por onde começar a escrever a sua monografia? Confira nossas dicas e comece a desenvolver o seu trabalho.

A monografia, assim como o TCC (Trabalho de Conclusão de Curso), é um trabalho delimitado, estruturado e desenvolvido em torno de um tema definido pelo estudante. A monografia pode se enquadrar nos seguintes tipos:

Monografia de análise teórica sobre um assunto pesquisado bibliograficamente.

Monografia de análise teórico-empírica, que represente uma pesquisa de campo.

• 

2 27 de janeiro de 2015

O glossário é a parte de uma pesquisa (TCC, Monografia, PIM, Artigo, entre outros) em que se organizam as palavras e/ou termos que foram utilizados ao longo do texto em questão — deve ser feito em ordem alfabética, para que o leitor consiga encontrar com facilidade o seu significado. Mas, lembre-se: o glossário é um elemento opcional em qualquer tipo de pesquisa, porém é muito utilizado por ser um ótimo recurso para facilitar a leitura de um TCC, por exemplo. Quer aprender como fazer o glossário? Confira nossas dicas:

Organize todas as palavras, frases e termos técnicos que irão compor o seu glossário (em ordem alfabética).

Utilize fontes confiáveis para explicar os termos que compõem o seu glossário — lembre-se de colocar a referência bilbiográfica de todas as informações (confira o modelo).

• As explicações devem ser breves, mas dependendo da complexidade do assunto abordado, podem ser um pouco mais extensas.