Central de Atendimento 24h: (11) 4063-9653.

Central de Atendimento

FORMATAÇÃO: Estilo Vancouver

1 26 de janeiro de 2015

Artigos e monografias seguindo as regras de formatação da metodologia Vancouver costumam ser exigidos em cursos da área da saúde (por exemplo: enfermagem, fisioterapia, entre outros), seja para graduação ou especializações. A formatação é um pouco diferente das normas conhecidas pela maior parte dos estudantes, pensando nisso, elaboramos um guia com algumas dicas. Confira!

As monografias que seguem as regras de formatação Vancouver devem ser elaboradas em texto corrido com, no máximo, 30 páginas: incluindo pré-texto, introdução, desenvolvimento, conclusão e referências.

O levantamento de autores para servir de embasamento técnico-científico deve ser composto basicamente de artigos científicos e revistas especializadas — sendo recomendado utilizar 70% das referências de autores localizados em periódicos científicos e 30% de obras especializadas, entre publicações nacionais e internacionais.

É interessante fazer o levantamento teórico, nas seguintes bases de dados:

• LILACS (Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde) — consulte aqui.

• NLM (National Library of Medicine) — consulte aqui.

• SciELO (Scientific Eletronic Library Online) — consulte aqui.

Formatação — Estilo Vancouver

Quanto a formatação e configuração de trabalhos no estilo Vancouver pode-se seguir o padrão ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), uma vez que a metodologia não define alguns aspectos, tais como:

Formatação Vancouver

Além disso, todos os autores utilizados como referência para a elaboração da monografia devem ser referenciados por números ordinais, ao final da frase ou parágrafo, seguindo a ordem sequencial em que são mencionados. Assim, como nas referências bibliográficas — deve-se mencionar os autores referidos ao longo da monografia, em ordem numérica idêntica à ordem em que foram apresentados no texto.

É importante verificar com o seu orientador sobre a formatação, se a sua universidade disponibiliza alguma manual específico para a formatação dos trabalhos — siga sempre as orientações de formatação da sua instituição de ensino.