Central de Atendimento 24h: (11) 4063-9653.

Central de Atendimento

Revisão: Como usar a vírgula — Regras de pontuação

3 6 de fevereiro de 2015

Está encontrando dificuldades na hora de fazer a revisão dos seus trabalhos? Calma, é normal! Dentre as regras da língua portuguesa, o uso da vírgula, sem dúvida, é uma das que mais assustam os estudantes — Confira como usar a vírgula correntamente e tenha muito mais confiança na hora da revisão:

Revisão — Como usar a vírgula

Uso da Vírgula

1. A vírgula separa elementos que você poderia listar. Este é um dos usos mais básicos da vírgula… não tem erro! Veja a frase: João Maria Ricardo e Augusto foram almoçar — Note que os nomes poderiam ser separados em um lista. Portanto, devem ser separados por vírgula:

João, Maria, Ricardo e Augusto foram almoçar.

2. A vírgula separa separa 'explicações' que estão na oração. Explicações que interropem a oração são mudanças de pensamento e devem ser separadas por vírgula. Veja o exemplo:

Mário, o moço que traz o pão, não veio hoje.

Note que há uma explicação sobre quem é Mário (uma explicação no meio da oração), portanto, utiliza-se a vírgula.

3. A vírgula separa o lugar, o tempo ou o modo (no início da oração). Quando um tipo específico de expressão — que indique tempo, lugar e modo — iniciar a oração, utiliza-se a vírgula. Em outras palavras: Separa-se o adjunto adverbial antecipado. Veja exemplos:

Lá fora, o sol está de rachar! — 'Lá fora' é é uma expressão que indica "lugar" (adjunto adverbial de lugar), portanto,utiliza-se a vírgula.

Semana passada, todos vieram jantar aqui em casa. — "Semana passada" indica tempo (adjunto adverbial de tempo), portanto, utiliza-se a vírgula.

De um modo geral, não gostamos de pessoas estranhas. — "De um modo geral" é sinônimo de "geralmente" (adjunto adverbial de modo), portanto, utiliza-se vírgula.

4. A vírgula separa orações independentes. Orações independentes são aquelas que têm sentido, mesmo estando fora do texto. Veja o exemplo:

Acendeu um cigarro, cruzou as pernas, estalou as unhas, demorou o olhar em Mana Maria.

No exemplo acima, cada vírgula separa uma oração independente (chamadas coordenadas assindéticas). Também existem as conjunções adversativas — como, por exemplo, "mas", "porém", "contudo", "no entanto", "todavia", entre outras —, que devem ser precedidas de vírgula. Veja os exemplos:

Eu gosto muito de chocolate, mas não posso comer para não engordar.

Eu gosto muito de chocolate, porém não posso comer para não engordar.

Eu gosto muito de chocolate, contudo não posso comer para não engordar.

E quando se usa vírgula antes de "e"?

Como regra geral, não se usa vírgula antes de "e" — porém, existe uma exceção: quando a oração fala de uma pessoa, coisa, objeto (sujeito) diferente do que vem antes dele. Veja o exemplo:

O sol já ia fraco, e a tarde era amena.

Note que a primeira oração fala do sol, enquando a segunda fala da tarde — os sujeitos são diferentes, portanto, utiliza-se a vírgula.


Agora, ficou muito mais fácil fazer a revisão de seus trabalhos acadêmicos. Mas, se tiver dificuldades e precisar de ajuda na revisão de conteúdos, solicite o nosso apoio acadêmico.

Apoio Acadêmico


* Conteúdo adaptado de "Português Fácil"