Tag: ortografia

24 de março de 2015

Você tem muitas dúvidas de gramática na hora de desenvolver seus trabalhos acadêmicos? Calma, nós temos a solução: a Gramática Escolar da Língua Portuguesa, de E. Bechara — o livro traz de forma clara, fácil e objetiva as principais regras de gramática e as mudanças, de acordo com o Novo Acordo Ortográfico (2009). É perfeito para estudantes universitários e para quem está se preparando para concursos e/ou vestibulares.

Gramática Escolar da Língua Portuguesa — de Evanildo Bechara

Gramática — Novo Acordo Ortográfico

Essa gramática tem como objetivo preparar os estudantes para utilizar com eficiência a língua portuguesa — traz exercícios de fixação dos conceitos apresentados na parte teórica, um capítulo especial sobre compreensão e interpretação de textos e, no final da obra, um índice de assuntos para

19 de março de 2015

Na ortografia de quase todos os idiomas existem apenas duas formas de se escrever o "por que", o que ajuda na hora de diferenciar e escrever. Por exemplo, em inglês pergunta-se com why e responde-se com because; em francês pergunta-se com pourquois e responde-se com parce que. Porém, no nosso idioma utiliza-se o "por que" para as duas funções (perguntar e responder). E como diferenciar?

No latim clássico (do qual se originaram outros idiomas), existiam duas palavras: quare para perguntar e quia para responder — Mas, na Língua Portuguesa prevaleceu a expressão pro quid, do latim vulgar; por isso, temos apenas uma expressão para as duas funções.

Entretanto, para diferenciar o "por que" (pergunta) do "porque" (resposta), alguém teve a ideia de escrever um junto e o outro separado. Os registros mais antigos dessa distinção são do século XIII — Mas, em 1500, Pero Vaz de Caminha ainda se atrapalhava com o uso, como é possível observar na "Carta do Descobrimento".

Em 1931, surgiram mais duas regr